quarta-feira, 27 de julho de 2011

APOSTASIA E HERESIA 2


APOSTASIA E HERESIA 2

(SINAIS DOS ULTIMOS TEMPOS E CRISTIANISMO DE HOJE)

INTRODUÇÃO:

Conceito: negar a fé verdadeira. O que é a fé verdadeira? Vida Eterna

Apostasia é vida terrena.

Apóstatas: dão ouvidos a espíritos enganadores, a doutrinas de demônios.

CRONOLOGICAMENTE: (I Tim. 4 : 1-5)

1º => a apostasia

2º => a manifestação do homem do pecado, o filho da perdição (vs. 4): o anti-cristo.

DESENVOLVIMENTO:

I -

DEFINIÇÃO:

II Pe. 2 : 1 - 2

II Pe. 2 : 15 e 20





II Pe. 2 : 1 - 2

Mas também houve falsos profetas entre o povo, como também haverá entre vós falsos mestres que introduzirão encobertamente heresias de perdição e negarão o Senhor que os resgatou trazendo sobre si mesmos repentina destruição.

E muitos seguirão seus caminhos perniciosos, pelos quais o caminho da verdade será blasfemado.





II Pe. 2 : 15

Os quais deixando o caminho reto se desviaram seguindo o caminho de Balaão, filho de Besor, que amavaos prêmio da injustiça.





II Pe. 2 : 20

Porquanto depois de terem escapado das corrupções do mundo, pelo do Senhor e Salvador Jesus Cristo, forem outra vez envolvidos nelas e vencidos, o último estado tornou-se pior do que o primeiro.

-

Afastamento da fé verdadeira - criação de uma fé para as coisas terrenas

- Jer. 2:19 => Troca das coisas eternas pelas terrenas

=> Deixar o Senhor, perder o temor do Senhor


-

Um sinal (um processo) na vida da igreja, que consiste num desvio da igreja para outro propósito que não é a eternidade.

- Jer. 8:5 - desvio contínuo de Jerusalém (eternidade)

- A apostasia é a entrada para um caminho que São tem retorno.


II -

ORIGEM:

Religião sem Revelação




-

Um conjunto de idéias, de pensamentos - Grupos (teólogos) que criam uma substituição de Jesus por figuras humanas: barbudo, filósofo, fundador de uma religião, Cristo morto.

- idéias que tiram do homem a direção da eternidade





-

criação de uma heresia, (uma mentira parecida com a verdade) : paz, pão e liberdade.







III -

PERIGOS:

a) Engano

b) Envolvimento

c) Queda




-

Substituição de valores espirituais por valores materiais:

- evangelho social

- participação do evangelho na política

- participação do evangelho nos problemas da comunidade.





-

EXEMPLOS: Slogans: "Cristo é vida" nada disso! CRISTO É A VIDA

- Árvore também é vida. . . (VOCÊ também é vida...)


-

IMITAÇÕES DO MUNDO ( a igreja não é capaz de influenciar o mundo, mas o mundo...)

- Arrastão # arrastão da fé

- Mengão # louvorzão

- Trio eletrico # trio elétrico da fé

- Surfista de Cristo - Atleta de Cristo - Carnaval de Cristo.







IV -

OBJETIVO:

- Ecumenismo

- Fortalecimento do governo mundial

Argumentos da apostasia:

- todos somos filhos do mesmo Deus.

- todos os caminhos levam à venda.

V - GOVERNO MUNDIAL

APOSTASIA

1) A BESTA

2) O ANTI-CRISTO

3) O FALSO PROFETA

- PODER POLITICO

- PODER RELIGIOSO

- MATERIALISMO

ECUMENISMO

VI -

LUTA CONTRA O CORDEIRO:

- Apoc. 17 : 14




VII -

A POSIÇÃO DA IGREJA FIEL




II Tess. 2 : 8 -


II Pedro 2:1 e 2

1 - O que é heresia?

É o desvio da verdade. É a deturpação da doutrina.

Se eu digo: Jesus Salva. Está certo ou errado? Certo.

Se eu digo que Maria salva, está errado. Posso usar qualquer argumento, como sentimentalismo, mãezinha, etc. Mas Maria não morreu na cruz derramando sangue em nosso favor.

Maria é mãe de Jesus como homem, mas não é mãe de Deus, porque Deus é eterno.

A heresia é um ensino distorcido da palavra de Deus. Parece verdade, mas é uma meia verdade, o que equivale a uma mentira.

2 – O que é apostasia?

É o desvio da fé verdadeira. Enquanto heresia é o falso ensino, a teoria; a apostasia é a prática. A heresia leva à apostasia.

3 – Porque o entendimento de heresia e de apostasia é importante para a igreja hoje?

Porque o aparecimento da heresia é um dos sinais da vinda de Jesus. A igreja deve conhecer esta manifestação para não ser enganada.

* II Ts 2:3 – “Ninguém de maneira alguma vos engane, pois não será assim (a vinda de Jesus) sem que antes venha a apostasia e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição.”

* Paulo escreveu a primeira carta aos Tessalonicenses falando da vinda de Jesus. Os irmãos entenderam que não precisava trabalhar ou estudar, mas simplesmente esperar a vinda do Senhor. Paulo rapidamente escreve a segunda carta dizendo aos irmãos para trabalhar e estudar, pois a vinda de Jesus não seria como eles pensavam, porque antes haveria de se manifestar a apostasia. Ele enfatiza dizendo: “... se alguém não quiser trabalhar, não coma.” II Ts 3:10.

Quando Paulo disse estas palavras, a igreja estava no seu inicio, e a heresia e a apostasia não tinha entrado na igreja.

Houve a tentativa de judeus cristãos, que entendiam que a igreja devia guardar a lei. Isto foi firmemente rejeitado pelos apóstolos no Concílio de Jerusalém, no ano 50 DC (At 15). Definiu-se que a salvação da igreja não é pelas obras da lei, mas sim pela graça.

* I Tm 4:1 – “Mas o Espírito expressamente diz que, nos últimos tempos, apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores e a doutrinas de demônios.

4 – De onde surge a heresia e apostasia?

Surgem do meio da igreja fiel.

* I Jo 2:18 e 19 – “ Filhinhos, é já a última hora; e como já ouvistes que vem o anticristo, também agora muitos se têm feitos anticristos; por onde conhecemos que é já a ultima hora. Saíram de nós, mas não eram de nós; porque se fossem de nós ficariam conosco, mas isto é para que se manifeste que não são todos de nós”.

Um dos grupos que vai ser enganado e irá fortalecer o anticristo será o dos crentes caídos, que não serão arrebatados. E farão isto com bíblia na mão, na letra, sem revelação.

5 – Qual a ênfase do ensino do anticristo?

Tudo se resume numa palavra – MATERIALISMO.

Enquanto Jesus prega o pão da vida, a água da vida e moradas eternas, o anticristo prega o pão da padaria, a água da companhia de esgoto e a casa do BNH, que ninguém acaba de pagar. São coisas parecidas, mas distorcidas (heresia).

6 – Exemplos de heresia entre os judeus no Novo Testamento

* Mc 7:10 a 12 – “ Porque Moisés disse: Honra a teu pai e tua mãe; e quem maldisser, ou pai ou mãe, morrerá de morte. Porém vós dizeis: Aquilo que poderias aproveitar de mim é Corbã, isto é, oferta ao Senhor. Nada mais lhes deixais fazer por seu pai ou por sua mãe.

Os judeus pregavam que se seu dinheiro, ou casa ou recursos fossem oferta ao Senhor, então estavam desobrigados do mandamento, não ajudando o pai ou a mãe numa necessidade. A distorção do mandamento era por causa do materialismo.

* Mt 23:16 a 19 – “ Ai de vós, condutores cegos! Pois que dizeis: Qualquer que jurar pelo templo, isso nada é; mas o que jurar pelo ouro do templo, esse é devedor.

Insensatos e cegos! Pois qual é maior: o ouro, ou o templo que santifica o ouro?

E aquele que jurar pelo altar isso nada é, mas aquele que jurar pela oferta que esta sobre o altar, esse é devedor. Insensatos e cegos! Pois qual é maior: a oferta, ou o altar, que santifica a oferta? Porque os judeus ensinavam que o ouro era mais importante que o templo, e que a oferta era mais importante que o altar? Por causa do materialismo.


HEREZIA E APOSTASIA NO CRISTIANISMO DE HOJE


João 18:36

7 – Exemplos de heresia e apostasia no Cristianismo hoje:

7.1 - Teologia da prosperidade:

* Prega-se que:

Deus é dono do ouro e da prata, e que Deus não quer que os seus servos sejam pobres, mas sim ricos materialmente. Quando a pessoa esta pobre é porque deve estar amaldiçoada ou desobediente.

E para você ser abençoado materialmente tem que dar ofertas á igreja, para demonstrar a sua fé em Deus.

Algumas igrejas ( principalmente as neo pentecostais e batistas) pregam que : o individuo que não entrega o dízimo está sujeito a uma maldição financeira, sendo que o certo deveria DOUTRINA-LO a obedecer nesta questão que, aliás, foi abolida junto com a lei, pois sabemos que o dízimo hoje é uma experiência da Igreja Fiel pela fé e gratidão a Deus, não por um cargo que alguns sustentam com o fim de ‘’arrecadar’’ mais.

Só uma informação = Está acontecendo um outro desvio doutrinário ( heresia ) em algumas igrejas influenciadas por doutrinas de Apostolo René Terra Nova e “profeta’’ J.Rubens ( de Brasília) . Agora se tira parte do dízimo ( consagrado ao Senhor ) e entrega uma “primícia” ao pastor . Sabe porque ? porque “ se a primicia for santa, toda a massa o é” . O apostolo Paulo se estivesse vivo hoje depois desta novidade lucratica eclesiástica com certeza choraria. No Antigo Testamento a primicia era entregue para o Sumo Sacerdote. No Novo Testamento, sabemos que o nosso Sumo Sacerdote é Jesus ( leia o novo testamento, principalmente a carta aos Hebreus ), mas alguns tem o pastor ( que nem sacerdote é, pois no novo concerto e na Igreja primitiva, nenhum homem é chamado de sacerdote a não ser a igreja no plural “reis e sacerdotes”) como seu sumo sacerdote e, digo mais : o pastor e sua família são chamados por alguns de “familia sacerdotal”. Ou seja : “caia fora Jesus temos um homem que entre por nós”. Essa verdade dói até em quem não pratica tal heresia.

Contra – argumento:

Ser pobre não é vergonha nem pecado, é uma situação que qualquer um pode passar numa determinada fase da vida.

Se ser pobre é ser desobediente ou amaldiçoado, então o maior foi Jesus, e os discípulos também, porque foram pobres , mas obedientes e abençoados.

Jesus disse:

“O meu reino não é deste mundo” Jo 18:36

“Buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e as demais coisas vos serão acrescentadas.” Mt 6:33

Então não podemos prosperar materialmente?

Podemos e devemos lutar para melhorar as nossas condições, estudando e trabalhando honestamente. Isto é bíblico. Mas dizer que prosperidade material é igual a prosperidade espiritual é uma heresia. Este era um pensamento dos judeus, que ficaram escandalizados quando Jesus falou acerca da oferta da viúva pobre: “Em verdade vos digo que lançou mais do que todos estes pobres viúva.” Lc 21:3

O argumento do materialismo é muito forte. O HOMEM DE BARRIGA VAZIA NÃO PODE SERVIR A DEUS. E onde estão os de barriga cheia servindo a Deus?

* Existe uma promessa do Senhor:

“Fui moço, e agora sou velho; nunca vi desamparado o justo, nem a sua descendência mendigar o pão” Sl 37:25

“O pão nosso de cada dia nos dá hoje” Mt 6:11

O servo não vai mendigar. A promessa do Senhor é dar o pão de cada dia, ou seja aquilo que necessitamos; e não o caviar de cada dia.

A promessa de Jesus é vida eterna. O que o Senhor nos der além disso é lucro.

7.2 – Curas:

* Prega-se que:

O nosso corpo é o templo do Espírito Santo, e a enfermidade não pode entrar no templo de Deus. A enfermidade não é de Deus. Ai alguém começa a expulsar as enfermidades, e cobram-se ofertas por isto.

* Contra – argumento:

Quando Paulo fala que o nosso corpo é o templo do Espírito Santo significa que devemos ter uma vida de santificação.

Mas o nosso corpo pode estar sujeito a enfermidades. Às vezes, a mesma pessoa que diz que a enfermidade não é de Deus usa óculos. Mas afinal, miopia também não é enfermidade?

Às vezes a enfermidade é até resultado de uma vida desregrada no mundo. A bíblia fala: “..porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará”.

Deus cura. A cura é um dom espiritual, que é para edificação da Igreja. É para fortalecer a nossa fé em algum momento da nossa vida.

Deus vai curar todos e sempre? Não, porque senão os crentes não morreriam.

Com a idade, estamos sujeitos a doenças como pressão alta, problemas no coração, artrites, etc. Isto não significa que é opressão do inimigo. É algo natural.

Devemos cuidar da nossa saúde? Sim.

Podemos orar quando enfermos? Sim. Deus pode nos curar diretamente, ou abençoar um tratamento médico, ou não curar. Mas se buscamos a Deus, não faltará o conforto de Deus.

7.3 – Materializar (coisificar) o espiritual

Vende-se pedras e água do rio Jordão. O primeiro-ministro de Israel fez uma declaração interessante: O rio Jordão tem muita história e pouca água. Se toda esta água oferecida viesse de lá, o rio Jordão estaria seco.

Vende-se azeite do Monte das Oliveiras comprado na mercearia da esquina, pois no Monte das Oliveiras há poucas oliveiras centenárias que produzem poucas azeitonas por ano.

Prega-se que se beber a água abençoada, tiver a pedra do rio Jordão, o azeite do monte das Oliveiras, a rosa abençoada, o tapete santo e outras coisas em casa, Deus vai te abençoar.

Contra-argumento:

A benção de Deus é espiritual. Quando se substitui o espiritual pelo material,

tende-se para a idolatria. Idolatria é materializar o espiritual.

“Deus é Espírito e importa os que o adoram, o adorem em Espírito em verdade”

Jo 4:24

O recurso que Deus nos tem dado são os meios de graça: jejum, oração, madrugada, louvor, etc.

Mas qual é mais fácil diante de uma dificuldade? Orar, jejuar ou tomar um copo de água ou segurar a pedra abençoada? Por isto, muitos estão na dependência destes recursos materiais, que se tornam um misticismo.

Os recursos que os servos de Deus do passado usaram como Abraão, Isaque, Jacó, Moisés, Daniel, Elias e outros foram os meios de graça. Estes são os recursos que Deus coloca a nossa disposição hoje.

7.4 – Abençoar em nome de Jesus:

Alguns pregam: Deus nos deu o poder de abençoar em nome de Jesus.

Contra-argumento:

Não somos abençoadores. Somos instrumentos na mão de Deus. O abençoador é Deus.

Podemos orar pelas pessoas para que Deus as abençoe.

8 – Segunda época:

Um grupo evangélicos no Brasil se reuniu para discutir o versículo

Ap 7:14 - “E eu disse-lhe: Senhor, tu sabes. E ele disse-me: Estes são os que vieram de grande tribulação, e lavaram os seus vestidos e os branquearam no sangue do Cordeiro”.

Chegaram a conclusão que a bíblia esta errada e no lugar DE GRANDE TRIBULAÇÃO deveria estar escrito DA GRANDE TRIBULAÇÃO.

Qual é a importância na troca de DE por DA?

No capítulo 7, do versículo 1 a 7 João fala dos 144.000 judeus, 12.000 de cada tribo, que serão usados por Deus de uma maneira especial durante a grande tribulação.

O versículo 8 diz : “Depois destas coisas olhei, e eis que uma multidão, de todas as nações, e tribos, e povos e línguas, que estavam diante do trono, e perante o Cordeiro, trajando vestidos brancos e com palmas nas suas mãos.”

Mais adiante é dito a João que esta multidão veio DE GRANDE TRIBULAÇÃO.

- Depois destas coisas – mostra uma outra situação. Não esta falando mais dos 144.000 judeus.

- De todas as nações – Aponta para a igreja gentílica. Não é Israel.

- Vieram DE grande tribulação – tiveram grandes provas.

Se o versículo falasse que estes gentios salvos viessem DA grande tribulação, então haveria chance de salvação para os gentios durante a grande tribulação.

Mas o texto fala que eles veiram DE grande tribulação. Aponta para a igreja fiel, que nos dias atuais, que passa por lutas.

No original grego vemos claramente o que o texto quer dizer sobre isso.

Então esta pregação que haverá salvação para os gentios após o arrebatamento da igreja, depois de fechada a porta da graça, é uma heresia que esta levando muitos a se afastarem do Senhor (apostasia).

CONCLUSÃO

Para ter discernimento das sutilezas da Apostasia, somente o entendimento da revelação na sua plenitude. Só quem vai reconhecer a apostasia é quem estiver na fé, ou seja: na Revelação.

"Vós tendes a unção do Santo e sabeis tudo" - (I João 2:20 )

GABRIEL FELIPE M.ROCHA

8 comentários:

Anônimo disse...

TEMOS QUE LUTAR CONTRA TODO O MAL QUE NOS POSSA LEVAR À HERESIA E À APOSTASIA:PRIMEIROS SINAIS DA QUEDA DE UM CRENTE E O ENFRAQUECIMENTO DE UMA IGREJA. ALTIVO

Gabriel disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Kim disse...

Eu sou católico, mas as religiões em sua maioria não leva ninguém a Deus a não ser unicamente "você"(cada um de nós) Eu ando estudando parapscologia, o que envolve um maranhado de assuntos, tais como espiritismo,filosofia,ciência,ufologia etc;Eu preciso mesmo estar com alguém para esclarecer vários asuntos. alguns põe em cheque quase toda história da humanidade.A bíblia ainda não pode ser analisada ao "pé da letra" , existe muito entre o céu e a terra que não conhecemos, então eu me envolvi em outros tópicos e textos ,pois a verdade esta fragmentada no povo e o povo não se reduz a uma ou duas Igrejas
Um abraço e Paz de deus a todos.

Dalton Sobrinho.

Gabriel disse...

Olá, queridos acompanhantes do Palavra a Serio. Quero só deixar claro uma coisa aqui: O post Apostasia e Heresia ( de Gustavo Rodrigues ) e Apostasia e Heresia 2 ( por mim ) não tem o interesse de magoar nenhum irmão em Cristo. Essa não é nossa intenção, inclusive fazemos justiça ao nome do blog " Palavra a sério". Somos pessoas comuns como outros irmãos em Cristo. Não somos exclusivistas e jamais pensamos que temos a verdade absoluta de algo e nem a ''revelação''....muito menos a posse exclusiva da OBRA DO ESPIRITO SANTO. Tudo isso que está acontecendo é profetico e temos uma mensagem. Se fossemos sectarios ou ''donos da revelação'' nao teriamos o interesse de divulgar e nem compartilhar tais informaçoes com os irmaos. Escrevo isto porque o conteudo dos posts tem causado um sentimento de ofensa em alguns grupos. Como homens pedimos desculpas, mas como porta-vozes, servos e amigos de Deus apenas assinamos em baixo do que escrevenos, pois cada moderador deste blog tem uma experiencia com um Deus vivo, soberano e abençoados ( de todos ). Se alguma verdade aqui incomoda, mostre nos na Biblia o contrario. Ficaremos satisfeitos em receber comentarios. Este blog não está vinculado com a igreja que frequentamos e que somos membros, aliás, nem citada aqui ela será. a OBRA DO ESPIRITO nao pertence a um grupo somente, mas pertence a quem quer ouvir a voz do Espirito Santo, nao de homens. A Paz do Senhor Jesus !!! Shallom a todos !!!

Anônimo disse...

Falou e disse !!!! Anuncie a verdade sem medo. A palavra de Deus diz que somos embaixadores de Cristo. Temos que falar do Reino com coragem e de peito aberto. Parabens pela iniciativa . Que Deus abençoe este trabalho.

Gabriel Felipe disse...

EM PRIMEIRO LUGAR, DALTON SOBRINHO,FICA A MINHA GRATIDAO PELO SEU COMENTARIO E PARTICIPAÇÃO. MAS , A VERDADE, REALMENTE NAO ESTÁ FRAGMENTADA. ELA É ÚNICA EM JESUS. ( LEIA A BIBLIA ). QUANTO AO ''POVO'' , EXISTE UM POVO QUE VAI HERDAR A SALVAÇÃO EM CRISTO JESUS ( APENAS ) E, ESSE POVO, NAO SE LIMITA A UM SIMPLES GRUPO OU PLACA, MAS A UM POVO QUE SE AFASTA DA APOSTASIA E IGNORA A HERESIA. A PAZ !!!

Anônimo disse...

MUITO BOM, pastor

Apenas diria que se alguém for salvo durante a grande tribulação verdadeiramente seria mais uma grande prova do poder resgatador de Deus, o que, na verdade, o será, visto que a vinda de Cristo não precede a tribulação, pelo contrário, ela é o final deste sistema atual (Mt 24.29-31; 25.45,46). A ira da qual não participaremos é a ira vindoura e eterna, amado irmão.

Anônimo disse...

Infelizmente eu frequentava uma igreja cujo pastor começou a seguir os "ensinamentos" do autointitulado profeta J. Rubens de Brasília, homem extremamente arrogante, vaidoso, mentiroso, falso profeta, enganador, que fica ensinando receita para "ser próspero", quando na verdade somente ele anda de BMW e se mudou para Barcelona..., mas Deus me abriu os olhos e me livrou da falsa teologia da prosperidade, graças ao bom Deus este lobo em pele de cordeiro chamado J.Rubens nunca viu um centavo do meu dinheiro, prefiro ajudar os necessitados, e não entrar na conversa fiada de um esbanjador, adorador de mamom.