domingo, 7 de julho de 2013

De onde me vem o socorro?

Salmos 121:1 “Elevo os meus olhos para os montes; de onde me vem o socorro?”
Os Salmos nos mostram experiências muito interessantes, o salmista sempre nos relata uma experiência pessoal, nos relata um momento que ele vivia. Também exaltam o poder de Deus e sua criação.
Vemos neste Salmo que o salmista precisa de socorro, com certeza era um momento difícil que ele estava vivendo, precisava de socorro, de ajuda, uma saída, mas não achava: “...de onde me vem o socorro?”.
Quantas vezes estamos assim, pensamos no tamanho e quantidade dos nossos problemas e logo questionamos: “E agora?” “Quando vou ter outro emprego? Como vou sustentar minha família?” “Será que meu casamento será infeliz assim para sempre? Será que serei uma esposa (o) feliz novamente?” “Como vou escapar desta?” “O que é certo? O que é errado?” “Vou viver o resto da vida com esta vergonha?” “Até quando estarei tão fraco na fé? Estou muito desanimado.” “Nunca mais irei sorrir novamente.”
São estes e outros questionamentos e afirmações que todos nós  passamos em nossa vida, e a palavra de Deus tem uma solução para tudo, quando você estiver assim como o salmista: “De onde me virá o socorro?”, faça como ele, isso mesmo olhe para o monte. Como assim?
Coloquemo-nos no lugar do salmista, ele certamente era um judeu, e o judeu era muito conhecedor da Palavra de Deus, conhecedor dos profetas e homens de Deus do passado, e ele como tal, conhecia que varias das maiores experiências aconteceram nos montes:
·         Foi no monte Horebe que Moisés viu a sarça ardendo em fogo, ouviu a voz de Deus e foi chamado por Ele, estava fugindo, mas Deus lhe deu uma direção;
·         Foi em um monte que Elias desanimado (havia pedido até a morte), fugindo, amargurado se escondeu numa caverna e viu Deus se manifestando em um terremoto, em um fogo e ouviu Sua voz mansa e delicada;
·         Foi no monte Carmelo que o povo em meio a uma frieza espiritual, desprezando a Deus viram Elias orar e cair fogo do céu, os levando a se voltar novamente para o Senhor;
·         Foi em um monte que Moisés pediu para ver a face de Deus e Deus se revelou a Moisés, e o seu rosto brilhava intensamente;
·         Foi em um monte que Moisés de mãos estendidas orava pelo povo em batalha e o povo vencia;
Se eu for enumerar todas as experiências que o povo de Deus já alcançou nos montes vai faltar espaço neste Blog; Irmãos olhar para o monte é isto, é se lembrar das experiências que Deus já operou na sua vida, o salmista não olhou para Moisés, Elias, Samuel etc. Ele olhou para o que Deus fez na vida destes homens, do grande poder de Deus manifesto em momentos difíceis, momentos de lutas, de tristezas, momentos em que não havia socorro, mas Deus enviou socorro; O salmista naquele momento difícil se lembrou de que Deus é o seu socorro, que naquele momento ele precisava se lembrar que Deus sempre agiu em favor dos seus, sempre houve socorro, por isto ele olha para os montes e se lembra do Senhor.
Salmos 121:2 “O meu socorro vem do Senhor, que fez os céus e a terra.”
Um dia foi encontrado por Deus e Ele mudou sua vida, te deu alegria, um motivo para sorrir, restaurou sua família, abriu portas, curou enfermidades, operou maravilhas na sua vida. Se hoje você se encontra desanimado, sem forças, sem alegria, sem esperanças, eleve os seus olhos para os montes, lembre-se de tudo que Ele já fez em sua vida, não se esqueça, Ele nunca te abandonou, sempre esteve ao seu lado, a todo instante. Olhe para os montes e não para os homens, o homem passa, Moisés passou, Elias passou todos passaram...
Olhe para os montes e para aquele que não passou: JESUS!
Sim, Jesus subiu ao Gólgota (monte da caveira) por mim e por você, Ele subiu e se humilhou, e da mesma maneira que Moisés como figura profética estendia as mãos e o povo vencia (Êxodo 17:11), Jesus estendeu as mãos naquela cruz, para que eu e você também tivéssemos poder para vencer; Olhe para Jesus, pois o seu socorro vem dos montes, vem do alto, vem de Deus, olhe para tudo que Ele é, pra tudo que Ele fez por você, nunca te abandonou, eleve seus olhos para o sacrifício, para o poder do seu sangue, pois é através dele que vem nossa vitória.
E então, para onde devemos olhar quando precisarmos do socorro?
 Salmos 121:1 “Elevo os meus olhos para os montes; de onde me vem o socorro?”
 
Mateus Morais

4 comentários:

Gilfredo Mendes disse...

Olá!!
Muito boa postagem, gostei muito ... elevo sempre os meus olhos para o meu Criador.
Abraços na paz do Senhor!!!

Gilfredo Mendes disse...

Olá!!
Muito boa postagem, gostei muito ... elevo sempre os meus olhos para o meu Criador.
Abraços na paz do Senhor!!!

Mateus Morais disse...

Obrigado pela visita irmão Gilfredo, volte sempre no Blog.

João Marcos de Oliveira disse...

Gostei muito da mensagem, tenho certeza que Deus falou comigo através dela. Longa vida ao blog palavra a serio e a voce. João Marcos