domingo, 18 de novembro de 2012

Fórmulas Mágicas x Vida Espiritual



Fórmulas Mágicas
Aos leitores do Blog, uma simples postagem para nossa reflexão. Devido à alguns comentários e questionamentos de alguns que não crêem mais no Poder do Sangue de Jesus, em consultar a Palavra de Deus, ao ponto de chamar este ato de fé de uma “palavra mágica” um “mantra”, “bibliomancia”, etc... segue alguns exemplos Bíblicos para nossa Reflexão.
A Arca da Aliança: Símbolo da presença de Deus nas Batalhas de seu povo.
Não funcionou com Ofni e Finéias (I Samuel 4:3-4 )
Urim e Tumim: Uma das maneiras de se consultar ao Senhor.
Não funcionou com Saul (I Samuel 28:6 )
O Bordão de Eliseu: Não funcionou com Geazi, na tentativa de ressuscitar o filho da sunamita ( II Reis 4:31).
O NOME DE JESUS: O mais surpreendente! Até o próprio NOME DE JESUS (“O Nome sobre todo o nome”) não funcionou com os 7 exorcistas ambulantes filhos do sacerdote Ceva (Atos 19:13-16).
Por quê?
Porque não existem fórmulas mágicas para alcançar a bênção de Deus.
“... santificado seja o Teu nome...”: Se o Nome do Senhor não for realmente santificado em nossa vida, não há resultado. Os recursos da Graça de Deus são movidos por uma fé sincera, frutos de uma vida consagrada ao Senhor.
Àqueles que se tornaram opositores de Doutrinas Bíblicas a resposta está aí... não funciona com o rebelde, e nem com o crente nominal, é uma experiência do servo fiel.

Gustavo Rodrigues

5 comentários:

Gabriel Felipe disse...

Poucas palavras, muito esclarecimento! Obrigado Gustavo pela grande contribuição. Irmãos e amigos, é tempo de buscar ao Senhor e clamar a Ele: "aviva a tua OBRA..." só assim poderemos viver e falar daquilo que, realmente, é de Deus...

Weslley disse...

Caro amigo, respeitado os demais textos que você já publicou, acho que este é o melhor. Gosto de textos assim, pequenos e diretos.

Muito Bom.

Posso publicá-lo no meu blog? Coloco as devidas referências...

abraços

Gustavo disse...

Amém Weslley,obrigado pela participação.Fique à vontade para publicar em seu Blog.
Um abraço!

Everton disse...

Irmão, apaz do Senhor. Tenho uma dúvida e acho que voce pode me ajudar. Se eu clamo pelo sangue de Jesus eu fico na comunhão, se eu permaneco na comunhão e sinto essa comunhão, preciso clamar pelo sabgue denovo? Não sou contra orar pelos angue de Jesus sempre porque somos pecadores demais, mas se eu fico em comunhão preciso clamar outra vez? penso ser repetição se assim fizermos. A paz do Senhor, desculpe a dúvida.e a pergunta.

Gustavo disse...

Olá irmão Everton, a Paz do Senhor!
Como mencionamos na postagem, clamar pelo poder do sangue de Jesus não é uma fórmula mágica para se ficar repetindo toda hora.
"Tendo pois irmãos ousadia para entrar no santuário,pelo sangue de Jesus"(Hb.10:19).Portanto, irmão se você já entou na comunhão, e permaneceu do lado de dentro, não precisa ficar batendo na porta.
Um abraço!Fique na Paz!