quinta-feira, 13 de setembro de 2012

UM PROBLEMA NA TENDA DE NOÉ



Gênesis 9:20- 29

 

 “Acontece nas melhores famílias” – Você já ouviu isso mais de uma vez, certo?


Pois bem, a família de Noé, apesar de unida no trabalho de construir a arca (uma obra que Deus revelou para ele e sua família), também passou por situações difíceis.

Passado o dilúvio, Noé plantou uma vinha, colheu seu fruto e fez vinho. Bebeu do vinho e embriagou-se. Um bom sono e, talvez, uma dorzinha de cabeça, deveria ser todo o resultado daquela situação, se não fosse a insensatez de seu filho do meio.


Cão entrou na tenda de Noé e viu o pai naquela situação e, ainda por cima, nu. Sem qualquer cuidado, Cão saiu da tenda e foi contar o que viu aos que estavam de fora.
Seus irmãos, porém, com prudência e cuidado, entraram de costas na tenda, levando consigo uma manta, com a qual cobriram a nudez do patriarca. Passado o problema, Noé, o pai, se lembra do que fez Cão e, indignado, lança pesada maldição contra ele.

Pois bem – você dirá – e eu com isso? Hum… talvez muito.

- Não há nada de louvável no que aconteceu no interior da tenda. Mas vai passar. Muita coisa já passou e isso vai passar também. Passou para o restante da família de Noé – mas deixou marcas eternas no filho insensato. Se o fato inicial foi insensato, muito mais o comportamento do tolo Cão.

- Cobrir o Corpo, para preservar sua saúde e não expor a família toda ao vexame. Isso não tem sido a preocupação de muitos tolos como Cão.

- Divulgar, fora da tenda, aquilo que, pela confiança de que desfrutava ao ponto de entrar na tenda do pai, chegou ao seu conhecimento. Isso pareceu muito mal aos olhos do pai, ao ponto de receber maldição eterna por aquilo.

- Aquele que salvara sua vida, empreendendo a construção da arca, não merecia um pouco mais de respeito? De seu cuidado protetor? Afinal o próprio rapaz havia sido protegido anteriormente pela obra do pai.

Temos problemas nesta nossa grande família também. Um companheiro nosso sempre diz que toda família tem um doido. Uma família enorme como a nossa tem vários!

Sejamos, porém, como Sem e Jafé, os filhos que, sabendo da dificuldade no interior da tenda, não foram curiosos e inconsequentes, mas virados para a porta de entrada da tenda, como que vigiando para que ninguém mais fosse ali espiar, cuidaram do nome do pai e da família, sendo respeitosos e prudentes.

Lance sobre os problemas internos da Igreja a capa da intercessão, do jejum da  oração, da madrugada. Os que assim fizerem certamente serão abençoados e continuarão firmes num PROJETO ETERNO E MARAVILHOSO. Uma vinha foi plantada e, o que importa, é caminhar hoje, amanhã e no dia seguinte para que não morra ninguém fora desse projeto que está sendo realizado pelo Espírito Santo nesse momento em que o mundo clama em dores e uma igreja FIEL (não limitada numa placa) clama em  esperança:

MARANATA, VEM JESUS !

 

 

 

3 comentários:

Everton Marcelino disse...

Boa mensagem irmão. Poderia dizer que veio num momento certo . Everton Marcelino

Weslley disse...

Interessante como um mesmo texto dá origem a tantas mensagens. Isso é a riqueza da Palavra.


Escrevi sobre este mesmo texto. Vê lá...

http://eternidadepelapalavra.blogspot.com.br/2011/07/o-limite-do-espirito-santo.html

Gabriel Felipe disse...

Realmente. Muito bom, inclusive foi seu blog quem me inspirou rsrsrs . Parabens pelo seu blog. É bom saber que há outros blogs que levam a Palavra a sério !!!!!